quarta-feira, outubro 01, 2014

QUEM SABE, QUEM SABE...

Quem sabe um dia, essa gente não se levanta e diz o que sente, essa gente não fique irritada com a fila no posto medico, não ache mais graça da fala descarada de outra gente que faz da barba um simbolo e das estatais, um cofre partidário, quem sabe, se um dia gente como a gente, caro amigo, não possa falar de assuntos mais importantes e não tenha que relatar roubos todos os dias.
Quem sabe a gente possa falar e pensar maneiras de crescer e discutir livros e métodos de administração ou de criação(de cinema, literária ou de animais).
Quem sabe um dia a Dilma não seja uma triste e simbólica lembrança, uma lembrança de um descuido que a democracia, por ser livre, por ser democrática, as vezes nos arma armadilhas, quem sabe se dessa lembrança muitos defeitos possam ser corrigidos, superados e que a gente possa saber que PT nunca mais. Quem, sabe, quem sabe…


Nenhum comentário: