domingo, junho 15, 2014

Sobre copas e jogadores

Garrincha na copa de 1962, jogou um futebol, jamais visto antes e nem depois.
Pelé era  elegância em um futebol de  eficiência e  oportunismo, e Garrincha era a elegância do espetáculo, do assombro, do inimaginável. Quando Pelé pegava na bola se esperava uma jogada brilhante, quando Garrincha pegava na bola se esperava muito mais que o brilho e sim se esperava o único, a única jogada, o inesperado. Pelé jogava futebol, Garrincha inventava o futebol a toda hora que pegava na bola. A cada lance seu o futebol era reinventado,  Garrincha era uma outra coisa, pois era Garrincha que sozinho valia um time inteiro.
O Primeiro É Garrincha
O segundo é Pelé
e o Terceiro, bom, escolha.


R.B.Santana

Nenhum comentário: