sábado, maio 04, 2013

a mãe

Ele tinha dormido bem e acordara feliz e bastante jovial. Se banhou e se barbeou como se ouvisse a lira das virgens e ainda sorridente apertou três vezes o gatilho da sua 44 no peito de sua surpreendida mamãe. Depois de alguns segundos, organizou o corpo e chorou como um anjo.
ronaldo braga

Nenhum comentário: