domingo, abril 03, 2011

NOME DA MORTE

Aconteceu em Itabuna, nos dias 25,26 e 27 de março a apresentação da peça teatral "O NOME DA MORTE" de ronaldo braga com direção de José Carlos Da Silva.
A peça foi bem recebida pelo publico Itabunense.
Veja o que escreveu José Carlos o Diretor.




Gostei do resultado final do espetáculo, fiquei contente em ter feito o nome da morte em Itabuna, e principalmente para as pessoas que assistiram o espetáculo. Pessoas realmente formador de opinião, grupo de jornalista que assisitiram e que comentaram. Como Kleber Torres do Jornal Agora, Marcos Luedy, jornalista do Boletim do Abará uma ong que trabalha com as questões do meio ambniente, Pessoas que tem uma história no teatro de Itabuna, Como A Srª Iara Smith, o Diretor Teatral Aldo Bastos, a atriz e Diretora Silvia Smith, e calou a boca de muitos fazedores de besterol, que não acreditava que duas jovens atrizes dariam conta de um texto Denso como é "O Nome da Morte". Estou Contente, as meninas estão realizadas, e querem dar continuidade ao espetáculo e muita gente que não assistiu e que agora estão loucos para assistir.
Estamos pensando em circular pelas cidades vizinhas a Itabuna, participar de festivais, ir a Salvador se possivel. Estive conversando com o pessoal do festival de Lauro de Freitas para saber quando será o festival de lá e inscrevermos.
Não conseguimos gravar o espetáculo em video agora, mas vamos fazer um investimento neste sentido, até para participar dos festivais.
Não tivemos um publico grande, porque o espetáculo no modelo de "O Nome da Morte" para quem tem Renato Piaba, Shaolim, Adamastor... como idolos, um drama nunca será modelo para quem gosta de pagode. Por ser um espetáculo em que em questões de cenógrafia foi de baixo orçamento, aproveitando resto de madeira da oficina do centro de cultura e forrando as camas com as costa de banner, para dar a impressão de parede de cimento. e resto de madeira para fazer a grade do fundo. deu para no final cada um comprar um cd nas lojas americanas e fazer um almoço coletivo. Em breve estaremos enviando o blog da cia com todo o material do grupo.
Sem mais para o momento abraços
Grupo Dramédia.

2 comentários:

nuno g. disse...

imagina se ao invés de distribuir milhões para os GRANDES AUTISTAS a política cultural decidisse de verdade promover a criação artística. teríamos muito mais arte e cultura pelo país e menos ícones desajeitados tentando justificar o injustificável. ah mais isso seria utópico né!!! e vivemos ainda nos tempos da realpolitik! por um momento quase esqueci...

Zinaldo Velame disse...

Parabéns Ronaldo e a todos envolvidos nesse trabalho. Abraço!