quinta-feira, março 04, 2010

Eu e a Brisa

Johnny Alf






Johnny Alf o cara que começou, o cara que fazia uma musica que era uma pintura, além de emocionar nos dava uma sensação de ta gozando a vida. ele se foi como já tinha ido esse tempo onde o prazer era algo calmo e antes de mais nada saudavel. Isso é verdade? provavelmente que não, mas essa musica criava essa atmosfera, e isso é arte. Criar um mundo proprio e não como querem os facistas vermelho que é a reprodução de um mundo imundo que beneficia ideologias autoritarias como querem os facistas comunistas. Daqui eu digo todo artista supera seu tempo e Johnny Alf vai ainda ser redescoberto no brasil.


ronaldo braga

Um comentário:

pianistaboxeador21 disse...

Concordo.
Abração