sábado, novembro 07, 2009

anselmo duarte O CINEMA



A VIDA NA TELA
ETERNA,
BRINCA COM A DOR DA PERDA
A FORÇA DOS TONS
EM PRETO E BRANCO ME ESCANDALIZA
O FILME
PRODUTO
INDUSTRIA
APENAS FERE MEU CORAÇÃO
E LAGRIMAS E SORRISOS SE MISTURAM EM FICÇÃO
ANSELMO POR TRÁS
ENQUADRA DECIDE
E PARA SEMPRE
ANSELMO
DUARTE.

NO PEITO ARTE
NOS OLHOS UM FUTURO FORA DE QUADRO
MOILDURA MEUS ENTRAVES
E DISSIPA MEU MEDO.
ANSELMO DUARTE A ARTE NÃO VEM POR ACASO MAS SE VINGA AO ACASO.

Um comentário:

Luciano Fraga disse...

Braga,grande cineasta,justa homenagem.A hipocrisia continua imperando: o prefeito da cidade onde A. Duarte foi enterrado decidiu que o centro de cultura local passará a chamar-se: Centro de Cultura Anselmo Duarte,ridiculo não? Abraço.