segunda-feira, setembro 21, 2009

o povo é filho da puta( fala de sonia personagem da peça inocencia)

Eu não sei nada de mim. Eu sei que faço. Quando penso em mim eu sinto vazios, vazios imensos. Eu sou oca por dentro. Mas no ódio eu encontro prazer e matar é a minha unica saida.
Eu sou filha de gente rica e podre que transformam os filhos em doenças. Eu odiava a forma que os meus pais tratavam os pobres.
Aos 12 anos percebi o mundo e sua crueldade e comecei a roubar meus pais e distribuir para os mais pobres.
Mas aos 15 anos descobri que os pobres tambem não prestavam, eramn covardes.
Aos 18 quando entrei na faculdade comecei a envenenar comida e distribuir entre os miseraveis: Mulheres, crianças, velhos, rapazes. Matei muita gente envenenada.
Até que meus pais descobriram e disseram que iam chamar a policia não tive duvidas, matei os meus pais e 4 amigos deles.
Hoje eu, se sair vou matar professores, operários, medicos, porque é esse povo que mantém o mundo imundo. Eles gostam tanto de maldade que se fazem mal. Se matam em vida, são corpos sem almas. O povo é covarde.
Mas a gente nunca sabe de nada e eu sou apenas sentimentos, a minha pele é a minha maior profundidade, fico excitada sempre que me sinto livre. Eu sou deus quando elimino sorrisos babacas.
Saiba os covardes são sempre alegres, gosto de pessoas zangadas, sofredoras. É a minha praia.


ronaldo braga

2 comentários:

Luciano Fraga disse...

Caro Braga, a gente sabe que a vida não desliza fácil como uma Gôndola sobre a superfície lisa e límpida de água, há um tédio maior a nos devorar e que nos esnoba.Muitas vezes os homens caminham e caminham na direção do desmoronamento, é a perda da inocência e a felicidade só satisfaz quando estamos diante do abismo e as mortes podem ser artificiais, simbólicas, mas são mortes e não tem nome, grande abraço.

O exemplar do livro de Mathias vou lhe mandar devidamente autografado.

pianistaboxeador21 disse...

pOIS É VELHO... E É AÍ QUE A IDÉIA DO MARXISMO FRACASSA. pORQUE O SER HUMANO RICO, OU POBRE, BONITO OU FEIO, É TUDO EGOÍSTA, OU COVARDE, OU FILHO DA PUTA. ÀS VEZES É BOM DAR VOZ AO ÓDIO E ÀS VEZES É BOM SER CONDESCENDENTE CONOSCO. A VOZ DO ÓDIO NA PERSONGAEM É CONTUNDENTE. MAS ÀS VEZES SINTO PENA DE NÓS, AFINAL, NÃO É LÁ MUITO FÁCIL SER HUMANO. E SE A VIDA FOSSE FÁCIL NENÊ NÃO NASCIA LEVANDO LOGO TAPA PRA FICAR ESPERTO. O MUNDO É ESGOTO A CÉU ABERTO, MAS TEMOS DE APRENDER A NADAR DE BRAÇADA NO MEIO DA MERDA. SEI LÁ, OS HOMENS SÃO INOCENTES DE SUA CONDIÇÃO. OU, COMO DIRIA O MALA DO CAETANO, OU NÃO.

ABRAÇO.