quarta-feira, outubro 17, 2007

For Anjo Baldio
“Cada vez mais ermo, vou minando a mesma terra carregada de rastros e indícios ásperos dentro de mim, para que as imagens sejam vislumbradas não apenas como um invólucro remoto de tristezas, mas também como excrementos de nosso tempo”.
Nelson Magalhães Filho
Postado por Ruela em seu blog NEO-ARTES
Veja mais de suas maravilhosas imagens
CLICA AQUI:
http://neoartes.blogspot.com/
Ruela, publicou e eu achei a verdadeira tradução do mundo nelsoniano. e para muitos a arte de nelson é apenas figuras tristes e diabolicas e na verdades não deixa de ser figuras triste e diabolicas mas não é só isso, é antes a leitura do nosso tempo que é triste e diabolico.
e nelson traduz o seu tempo e não reproduz o que os bovinos gostam de olhar e comprar.
Nelson o artista filtro do seu proprio tempo.
www.anjobaldio.blogspot.com/
(ronaldo braga)

2 comentários:

anjobaldio disse...

Cara, o blog do RUELA é maravilhoso. Suas imagens são fantásticas. Eu visito diariamente. Grande abraço.

Ruela disse...

Excelente, é isso mesmo.
Um abraço.