quarta-feira, janeiro 31, 2007

ALMANAQUE DE BRISTOL

EM MEMÓRIA DE OLNEY ALBERTO SÃO PAULO


Meus amigos
estão escurraçados pelo oco do mundo
Meu pai viajou para as montanhas
Minhas tias se benzem
Minha antiga namorada tricota cordilheiras
Minha amiga cata estrelas no poente
Minha mãe me afaga
Meu tio ora
Meu avô geme
do tempo
E meus companheiros de agora
enxergam o Jacuype desbarrar para o Paraguaçu.

MIGUEL CARNEIRO
(POETA, DRAMATURGO E ATOR)

Nenhum comentário: